Continua após a publicidade.
ad

Muitos lugares e coisas a serem explorados Exploração do Universo Muitos lugares e coisas a serem explorados.

Exploração do Universo O primeiro motor de bolha Warp FINALMENTE foi criado?

Existem muitos planetas, galáxias e buracos negros no universo que poderiam abrigar vida inteligente e estrelas brilhantes.

Desafios da exploração espacial

No entanto, a distância é um problema para a exploração no espaço profundo. Por exemplo, a viagem para Marte, que a NASA quer enviar astronautas, leva pelo menos cinco meses, mesmo com o foguete mais poderoso da história.

Solução para viagens mais rápidas

Se houvesse uma maneira mais rápida de viajar pelo espaço, muitos problemas seriam resolvidos. A próxima estrela mais próxima da Terra está a 4,5 anos luz de distância, tornando-a impossível de ser visitada com as tecnologias espaciais atuais.

Viajando mais rápido do que a velocidade da luz

Uma descoberta promete resolver esse problema, permitindo viagens mais rápidas do que a velocidade da luz. Neste vídeo, vamos entender como essa descoberta foi feita e como ela afeta as viagens espaciais.

Continua após a publicidade..

Viajando em uma nave espacial

Para os fãs da franquia Star Trek, viajar em uma nave espacial não é estranho. Desde seu primeiro episódio em 1966, a série inclui 10 séries de televisão e três longa-metragens, onde os personagens exploram o universo usando naves espaciais poderosas e rápidas.

O universo é grande

O universo é estranho, imaginativo e absurdamente grande. Mesmo que você queira visitar a próxima galáxia, as imensas distâncias cósmicas criariam uma barreira quase impossível.

Continua após a publicidade..

A próxima estrela

A próxima estrela mais próxima da Terra, Centauro, está a 4,5 anos luz de distância. Viajar a essa distância, mesmo com a velocidade da luz, levaria 4,5 anos. Usar a sonda espacial mais rápida construída levaria quase 8.000 anos.

A Descoberta Promissora

Uma descoberta promete resolver o problema de viagens mais rápidas do que a velocidade da luz, permitindo viagens mais rápidas do que a velocidade da luz. No entanto, ainda não há informações concretas sobre como essa descoberta foi feita e como afeta as viagens espaciais.

Viagem em UPN

Para os fãs da franquia de “Star Trek”, viajar em UPN (Unidade de Propulsão Warp) não é algo estranho. É uma tecnologia futurista e encantadora do universo “Star Trek”. Desde seu primeiro episódio em 1966, “Star Trek” inclui 10 séries de televisão e três longa-metragens. Nestas séries, os personagens exploram o universo usando naves espaciais poderosas e rápidas, viajando de planeta em planeta e comunicando com uma tripulação de alienígenas.

O Centro da Atração

O motor de propulsão é o centro da atração, pois sem ele a história seria impossível. O universo é estranho, imaginativo e absurdamente grande, e mesmo que você queira visitar a próxima galáxia, as imensas distâncias cósmicas criam uma barreira quase impossível.

Visitar a Próxima Estrela

A próxima estrela, Centauro, está 4,5 anos luz de distância. Essa distância significa que levaria 4,5 anos para alcançá-la se você conseguisse atingir a velocidade da luz. A luz viaja a toda velocidade cósmica e age como uma espécie de limite de velocidade universal, então qualquer outro método levaria mais tempo. Na verdade, se você decidir usar a sonda espacial mais rápida já construída, a longa jornada através do vazio interestelar levaria quase 8.000 anos.

Ficar na Terra

Portanto, faz sentido ficar na Terra, no seu ambiente imediato. Claro, existem muitas coisas para explorar e descobrir na nossa galáxia, mas ainda assim, o universo é tão grande e desconhecido que sempre haverá mais para descobrir. Enquanto isso, esperamos que a descoberta promissora de viagens mais rápidas do que a velocidade da luz se concretize e abra novos horizontes para a exploração do espaço profundo.

Share.