Continua após a publicidade.
ad

O ato de guardar determinados objetos com valor histórico ou sentimental é uma prática que muitas pessoas possuem até hoje, existe até mesmo um termo específico que denomina a prática de estudar e guardar dinheiro. O ato de colecionar moedas e cédulas antigas é chamado de numismática.

Trata-se de uma ciência que estuda as particularidades do dinheiro e o que torna os exemplares únicos, raros e valiosos. Existe todo um mercado de troca e venda das moedas e cédulas, com livros especializados que indicam os modelos e valores que cada um dos itens possui. Dependendo do caso, é possível conseguir um bom valor com a venda.

Isso porque não é qualquer moeda que encontramos que vale bem mais do que o seu valor original, é preciso que ela tenha determinadas particularidades. São os detalhes que fazem os exemplares serem únicos, a exemplo da data de fabricação, eventuais imperfeições e de uma produção limitada para um evento comemorativo.

Continua após a publicidade..
São moedas de R$ 0,50 e de R$ 1. Crédito: @jeanedeoliveirafotografia / pronatec.pro.br

Quais são as moedas antigas que valem muito dinheiro?

É preciso observar os detalhes das moedas para identificar aquelas que valem muito dinheiro. Algumas moedas de R$ 0,50 são valiosas pelo fato de terem características diferentes, que foram causadas por falhas no processo de cunhagem realizado pela Casa da Moeda. Os erros foram em uma quantidade limitada de moedas, o que torna elas ainda mais raras.

A primeira delas possui a falha de não ter o zero após o cinco, fazendo parecer que se trata de uma moeda de R$ 0,05. O que permite a identificação como um exemplar de R$ 0,50 é o fato da moeda ser prata e mais grossa, com características específicas desse valor . Um exemplar deste pode ser vendido por até R$ 1.800.

Outro caso é de moedas de R$ 1 produzidas em comemoração ao Jogos Olímpicos do Rio 2016. São exemplares únicos e diferentes dos demais, que exibem imagens das modalidades disputadas e também de elementos que marcaram aquela edição das Olimpíadas no Brasil. O que vai determinar o preço de comercialização é o estado de conservação e a modalidade da moeda, com algumas valendo até R$ 8 mil.

Continua após a publicidade..

Veja também: Moeda de CINQUENTA centavos pode ser vendida por até R$ 1.800: você tem uma?

Como vender os exemplares para os colecionadores?

Agora que vimos algumas das características das moedas antigas que valem uma fortuna, o próximo passo é dar uma olhada na carteira, na gaveta e no cofrinho para conferir se tem alguma perdida nas suas coisas. Caso encontre um exemplar, ele pode ser vendido após passar por uma avaliação de um profissional especializado.

É importante procurar um numismata experiente ou casas de leilão que são especializadas e confiáveis para avaliar o estado da moeda ou cédula rara. Dessa forma, será possível ter uma noção real do valor que pode ser obtido com a comercialização do dinheiro. A venda em si pode ser realizada pela internet, através de plataformas online.

É o caso de sites como OLX (https://www.olx.com.br/), Enjoei (https://www.enjoei.com.br/) e do Mercado Livre (https://www.mercadolivre.com.br/). Nas redes sociais também é possível encontrar grupos e perfis de entusiastas que compartilham dicas de como identificar as moedas raras e vendê-las.

Veja também: Moeda das Olimpíadas pode valer uma FORTUNA e você pode ter uma dessas em casa; não perca tempo

Share.