Continua após a publicidade.
ad

A compra foi finalizada recentemente. Recentemente recebemos uma data estimada e aprovação do CMA e agora finalmente aconteceu. Esta notícia afeta diretamente o Nintendo Switch. A informação vem da Microsoft e de sua intenção de lançar Call of Duty no console.

Continua após a publicidade..
ad

Isso está relacionado à tentativa da Microsoft de adquirir a Activision Blizzard, bem como ao seu debate com a Federal Trade Commission (FTC). Depois de sabermos que esta organização não tem muita clareza sobre o que é Nintendo Switch, agora o caso deixou-nos notícias notáveis.

Continua após a publicidade..
ad

O chefe da Microsoft Gaming, Phil Spencer, confirmou novos detalhes de Call of Duty na Nintendo depois de revelar recentemente seus planos para os fãs da Nintendo. A Microsoft reiterou seu compromisso de levar Call of Duty aos fãs da Nintendo em igualdade de condições em termos de recursos e conteúdo. Spencer agora destacou a importância de os jogadores da Nintendo se sentirem parte integrante da comunidade Call of Dutysem perder conteúdo ou experiências.

A inclusão de Call of Duty na plataforma Nintendo torna-se uma prioridade para a Microsoft, como afirma Spencer:

Publicidade
ad

Para jogadores de Call of Duty no Playstation e, no futuro, na Nintendo, quero que vocês se sintam 100% parte da comunidade. Não quero que você sinta que há conteúdo que está faltando, que há aspectos que está faltando, que há momentos que está faltando. Esse não é o objetivo. Quero que Call of Duty Nation sinta suporte em todas as plataformas.

Há algum tempo, soubemos que a Microsoft havia derrotado a FTC, mas então a FTC apelou da decisão e, por fim, o recurso foi rejeitado. O que você achou da notícia? Você pode compartilhar nos comentários. Estaremos atentos para ver o que receberemos no futuro graças a esta colaboração. Não hesite em deixar a sua opinião, nós lemos você.

Fonte.

Share.